O que considerar antes da sua transformação digital?

Todos os dias, novas empresas são criadas. Muitas já começam digitais, revolucionando conceitos e mercados, prontas para conquistar seus públicos. Consequentemente, empresas tradicionais ou menos tecnológicas passam a rever seus processos para se manterem competitivas. Assim, inovar de forma ágil se torna preciso,  é aí que entra a transformação digital.

Porém, antes de partir para disrupção, é necessário ponderar suas vontades e necessidades. O questionamento é tão importante que rendeu até uma reflexão do pessoal da Harvard Business Review.

De acordo com os especialistas Barry Libert, Megan Beck e Yoram Wind, são sete as principais considerações que um gestor deve fazer antes de iniciar uma transformação digital em seu negócio. Nós vamos falar de todas elas aqui!

1 – Upgrade digital e transformação digital

Antes de iniciar a transformação digital de seu negócio, é preciso saber  em que você está embarcando. Pois, muitas vezes, na busca de transformação, acabamos tendo apenas um upgrade. Existe uma grande diferença! Veja só:

  • Upgrade digital: consiste no uso de tecnologia digital para tornar mais efetivo algo que a empresa já faz.
  • Transformação digital: usa a tecnologia digital para promover mudanças na operação da empresa. Isto vai desde as interações com os clientes, os processos internos, até como o valor do negócio é gerado.

É claro que não há nada de errado em desejar uma atualização ao invés de uma transformação digital. Mas o que apontamos aqui é que essa escolha deve ser feita de forma consciente e estratégica. Por isso, é importante refletir se apenas um upgrade é de fato suficiente para manter a competitividade de seu negócio neste contexto de redes digitais.

Quando tomada esta decisão, partimos para outras questões.

2 – Concordância na equipe

Para alterar o seu modelo de negócio em alinhamento com as novas tecnologias, um esforço conjunto de toda a equipe é essencial. Já que, quando isso não ocorre, podemos nos deparar com um time liderando um processo com o qual não está animado.

Para evitar esse tipo de comportamento e ter uma equipe engajada na transformação digital, é necessário que todos os integrantes estejam alinhados a respeito do processo. Além disso, é imprescindível estimular a reflexão e a abertura dessas pessoas e focar nos benefícios dessa mudança.

3 – Compartilhamento da criação de valor

Nos modelos mais recentes de negócios tecnológicos, é comum que as empresas permitam que seus clientes e outras redes façam parte da criação de valor. Como exemplo disso temos o Uber, que depende de motoristas e o Ebay, que precisa de vendedores.

Apesar dessa ser uma estratégia vencedora não só para geração de lucro, muitos líderes resistem ao modelo. Isso acontece porque depender de uma rede que está fora de sua cadeia de comando pode ser um desafio para o gestor.

Então, para obter sucesso com um modelo de compartilhamento da criação de valor, é necessário novos estilos de liderança. Eles devem ser cocriativos e podem também permitir que capacidades e recursos pouco utilizados normalmente sejam explorados.

4 – Proteção da equipe digital

De acordo com os especialistas da Harvard Business Review:

“Um upgrade digital exige uma equipe bem definida com um escopo limitado. Uma transformação digital requer uma equipe com um mandato multifuncional e sólido suporte”.

Um fenômeno que ilustra bem isso é que, muitas vezes, as empresas limitam suas transformações digitais por basear o processo somente nas equipes de Marketing ou TI. Ou seja, apenas esses setores passam pelo processo disruptivo.

Por isso, é importante considerar uma mudança na estrutura interna de sua empresa como parte da transformação. Com isso, há uma maior capacidade de influenciar os grupos multifuncionais da organização para uma transformação digital completa.

5 – Mensuração de valor

Os KPIs (Key Performance Indicators, ou Indicadores-Chave de Desempenho) são parte significativa do processo de gerenciamento, uma vez que gerenciamos o que medimos.

Os indicadores mais comuns das empresas têm a ver com capital físico e humano, como: custo do pedido, giro de estoque, produtividade homem/hora, e ociosidade.

Nem sempre esses KPIs são afetados pela transformação digital, uma vez que a meta final é afetar a lucratividade e a receita positivamente. Porém, durante o processo de disrupção, é interessante adotar alguns indicadores intermediários, como, por exemplo:

  • sentimento;
  • engajamento;
  • compartilhamento de valor;
  • cocriação de redes, entre outros.

6 – Avaliação do time

Esses indicadores dizem muito a respeito dos colaboradores, é aí que está o desafio. Desse modo, você como gestor precisa estar pronto para julgar sua equipe.

Muitos de seus colaboradores podem apresentar resistência e obstáculos durante a transformação digital. Por conta disso, é necessário que você considere mudanças em seu pessoal, abrindo espaço para profissionais alinhados com o novo modelo. Afinal, “às vezes uma nova visão requer pessoas novas para criá-la”.

7 – Independência do negócio digital

Algumas vezes, durante o processo de transformação digital, acaba nascendo um spin-off , ou seja, uma empresa derivada de dentro da organização.

Geralmente, esse novo negócio tem uma abordagem digital e pode até se tornar maior e mais valiosa do que a organização da qual se originou.

Quando isso acontece, é importante considerar a separação entre a empresa mãe e a filha. Isso porque em casos como estes, são grandes as chances de disputas internos de público e de talentos, o que prejudica ambas as empresas.

Um exemplo de uma empresa que faz essa separação com maestria é o Google. Ele é especialista em criar novos empreendimentos, dando apoio e liberdade para que eles cresçam. Assim, cada negócio tem a chance de alcançar seu potencial próprio, incluindo o YouTube e o próprio Google.

Sabemos que transformar um negócio não é simples, mas garantimos que vale a pena! Ainda mais em um contexto tão competitivo quanto o atual. Por conta disso, fique atento aos questionamentos que abordamos aqui. Para saber mais sobre esse processo, é só entrar contato com a gente!

Total
30
Shares

Inovação na sua caixa de entrada

Receba conteúdo relevante. Grátis e sem spam.